Guia do Mirtilo

O consumo de bagas tornou-se popular entre os consumidores preocupados com a saúde devido aos seus altos níveis de compostos bioativos com propriedades antioxidantes.

O mirtilo é um fruto organoléptico com excelentes aspectos nutricionais e funcionais, pois apresenta níveis elevados de polifenóis comparativamente com outros frutos.

O mirtilo pode ser encontrado e consumido fresco ou noutras formas processadas, como sumos, iogurtes, geleias, compotas, entre outros.


Ao mirtilo são atribuídas propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias.


Botânica

O mirtilo pertence à família Ericaceae, do género vaccinium e subgénero Cyanococcus. O género vaccinium apresenta um alto nível de diversidade morfológica, contabilizando cerca de 450 espécies, das quais 40% se encontram na Ásia e no Pacífico, 26 no sub-continente norte-americano e 6 na Europa.


Propriedades antioxidantes

Os antioxidantes na dieta podem ter um papel importante na prevenção de algumas doenças crónicas em seres humanos resultantes da oxidação de lípidos e outros componentes celulares por radicais livres. Os mirtilos (Vaccinium sp.) são considerados, de entre os frutos frescos, uma das melhores fontes de antioxidantes.

Dentro dos compostos antioxidantes existentes no mirtilo, os que desempenham um papel de maior relevância são os compostos fenólicos, nomeadamente os flavonoides, antocianinas e taninos, tornando-o numa das frutas mais desejáveis e nutritivas.


Informação nutricional do mirtilo

A composição nutricional do mirtilo varia em função de diversos fatores que incluem o genótipo, as práticas de cultivo, o grau de maturação, as condições edafoclimáticas e as condições de . A seguir apresenta-se a composição nutricional média do mirtilo por 100 g de parte edível.


Composição nutricional do mirtilo por 100 g de parte edível

Nutrientes Valor/100g Nutrientes Valor/100g

  • Energia (kcal) 57,00

  • Selénio (μg) 0,10

  • Proteínas (g) 0,74

  • Sódio (mg) 1,00

  • Gorduras (g) 0,33

  • Zinco (mg) 0,16

  • Hidratos de carbono (g) 14,49

  • Vitamina C (mg) 9,70

  • Fibra (g) 2,40

  • Tiamina (mg) 0,04

  • Água (g) 84,21

  • Riboflavina (mg) 0,04

  • Cálcio (mg) 6,00

  • Niacina (mg) 0,42

  • Ferro (mg) 0,28

  • Ácido pantoténico (mg) 0,12

  • Magnésio (mg) 6,00

  • Vitamina B-6 (mg) 0,05

  • Manganésio (mg) 0,34

  • Folato (μg) 6,00

  • Fósforo (mg) 12,00

  • Vitamina A (UI) 54,00

  • Potássio (mg) 77,00

  • Vitamina E (mg EAT) 0,57


O mirtilo é um fruto com excelentes propriedades organoléticas, nutricionais e funcionais, visto que, apresenta de um modo geral, teores elevados de polifenóis, em particular

antocianinas e taninos, que contribuem fortemente para a sua atividade antioxidante.


O cultivo do mirtilo está claramente em expansão, e a sua aceitabilidade por parte do consumidor está relacionada com as suas características físicas, nomeadamente a textura e a cor.


O mirtilo é um fruto com numerosas espécies, distribuído por uma ampla área geográfica e, actualmente vem conquistando uma posição importante na dieta alimentar de vários povos, não só pelas suas propriedades organolépticas, mas também por todas as aplicações que vêm sendo corroboradas por diversos estudos científicos. A evolução do conhecimento é constante e o mirtilo ainda está numa fase de afirmação no domínio do consumo alimentar e da suplementação.

Uma das propriedades que se destaca como impulsionadora do mirtilo é a actividade antioxidante, conferida pela presença de compostos bioactivos na constituição deste fruto, como os flavonóides, os taninos e os ácidos fenólicos. Também é de destacar a sua actividade anti-inflamatória, conferida por alguns dos seus constituintes, como o ácido ursólico, a quercetina e as antocianinas.

As suas aplicações estendem-se a diversas patologias, no domínio da prevenção e da terapêutica, destacando-se a sua acção nas infecções do tracto urinário, infecções da cavidade oral, infecções virais, patologias gastrointestinais, neurológicas, cardiovasculares e cancerígenas.

O consumidor pode encontrar o fruto disponível na sua forma fresca, congelada ou seca, estando também disponíveis formas processadas do fruto, como sumos, geleias, compotas e iogurtes. Também se encontram comercializados suplementos alimentares obtidos através do fruto ou de componentes específicos deste, na forma de comprimidos, cápsulas e chás.



guia do mirtilo
   Informação Nutricional do mirtilo

Informação Nutricional do Mirtilo

Receitas com mirtilos

Muffins de mirtilos

Smoothie de aveia e mirtilo

compota de mirtilos

Compota de mirtilos

charlotte de mirtilos

Charlotte de mirtilos